un tal marra

mentras haxa escrav@s voluntári@s, haberá amos, e portanto, non haberá persoas libres

obsceno

Sentin vergoña cando vin esta galeria de fotos sobre os prémios Pullitzer:  Logo de ollar fotos moi duras, que case che fan apartar a ollada, e mancan o corazón, aparecen eses energúmenos abrindo botellas de champán para celebralo. Paréceme como mínimo obsceno.

http://www.xornal.com/album/2011/04/19/foto/2011041920105700120.html/1#imaxe

Eu convocaria o concurso fotográfico da riqueza e a usura, denunciando a ostentación e polo tanto a explotación. Porque mentres haxa unha soa persoa que pasa necesidades no mundo, é un delicto ser rico

Anúncios

2011/04/30 - Posted by | fotografia, notícias

Ainda sem comentários.

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s

%d bloggers like this: